Regras de interpretação: Digimons & Personagem

Ir em baixo

Regras de interpretação: Digimons & Personagem

Mensagem  Nick em Qua Fev 09, 2011 9:01 pm

Regras de interpretação
Digimons & Personagem

Vamos ver... Mesmo que seja simplesmente obvio que é você que deve interpretar seus digimons, é melhor deixar-lo claro de qualquer jeito.

Há muitas maneiras de interpretar. Mas há duas fases na qual vocês precisam entender para que servem.

1- Interpretando seus pensamentos, ações e falas.

Muito bem. Há muitas maneiras de demostrar o que seu personagem pensa, diz e faz, mas a maneira mais famosa é a seguinte:

Entre asteriscos(*) se faz um ação. Por exemplo: * Após o forte golpe, eu levantava ainda meio zonzo. Após rapidamente balançar a cabeça, sorria para FanBeemon que provavelmente olharia preocupado comigo, tentando dizer que está tudo bem*.

Entre duas aspas, se demostra um pensamento. Por exemplo: '' Droga... Desse jeito não vou conseguir!''

E finalmente, se colocava um travessão no começo da frase para demostrar sua fala. Por exemplo: - Ei, Erich! Se você é tão bom quanto diz, vamos pra arena! Quero ver se esses ladridos seus ficam só nisso ou passam a ser mordidas!

Esse de cima é o mais famoso, o qual eu mesmo chamo como AAT( Asterisco, aspa & travessão). Porêm, nos ultimos anos começaram a usar outro tipo, além de agregar algo. Primeiro, vamos ver esse ''outro tipo'':

O segundo mais usado, que é meu preferido pelo simples fato de poder indentificar quem está falando, pensando ou fazendo a ação quando se interpreta mais de dois individuos muito mais facilmente, como é nesse caso, é a( Novamente, chamado por mim) interpretação literaria:

Neste caso, meus caros amigos, só se usa o travessão, e ainda por cima é só quando se está falando! Exatamente!Teremos dois exemplos, um em primeira pessoa, e outra em terceira. Vamos ver o de primeira pessoa:

- Ei, cara. Por que não simplesmente pegamos o teletransporte? - A mais pura verdade é que eu não estava com a mais mínima vontade de andar. Meus pés estavam cansados, e bom, tinha certeza que acabariamos perdidos. - Seria muito mais rápido!

Como vimos nesse exemplo, entre os primeiros travessões ele falou, logo entre os próximos travessões ele relatou que não tinha vontade de andar. Nesse espaço de relato se pode introduzir uma ação ou um pensamento, como vimos nesse caso. Vou dar-lhes outro exemplo com ação, para que entendam melhor:

- Certo. Então, vamos começar! - Eu começava a correr como louco, em direção a torre, com esperança de alcançar-la antes que aquele estranho cara.

Aqui, após o travessão ser fechado, houve-se uma ação até a segunda vírgula. Apartir daí, ele expressou um sentimento. Simples? Mais ou menos. É bom ler isso aqui quando não esteja estressado, se não, não vai entender.

Agora o de terceira pessoa:

-Droga... Droga! - Dizia o garoto, tentando conter a intensa dor. Ele tentava conter-la, pressionando o braço contra seu estômago, e com isso se levantava lentamente, usando a parede para se apoiar. - E-Eu... Tenho que conseguir...

Aí vimos um perfito exemplo de fala+ação. Agora, fala+pensamento.

- Certo. Vamos lá. - Disse o garoto. A verdade é que ele não havia gostado nem um pouco daquele homem, mas sabia que não havia nada que pudesse fazer.

Começa a entender ? Na interpretação literaria, a ação e pensamento muitas vezes não vem como tal, se não, como um relato ou demostração de sentimento, mas de uma facil forma de entender! Wee!

Por fim, há algo que lhes ajudará muito, independente se sua forma de interpretar é AAT ou interpretação literaria. Colorir sua postagem!

Na AAT, isso aqui é muito necessario se você vai interpretar mais de um personagem, e como você vai fazer, é quase obrigatório. Um exemplo:

- Ogremon, vamos lá! Você tem que tentar! '' Desse jeito ele não vai conseguir...''

- Droga, cara! Eu tô tentando!


Desse jeito, é mais fácil indentificar quem é quem!

Agora, no modo literario, suponho que seria só pra dar um brilhozinho. Por exemplo...

- É. Pois é, cara. - Eu discordava totalmente daquilo, mas o que podia fazer? Nada.

Como veêm...

Bom! Não há mais nada para ensinar, então vamos passar para a próxima lição!

2- Pessoa


Não, não estou falando de um individuo, estou falando numa das regras mais importantes de nossa linguagem! Primeira, segunda, terceira pessoa, do singular ou plural!

Bom, não lhes vou aburrir dando uma aula de português, então vamos para o básico:

Há duas formas de interpretar. Na primeira, e na terceira pessoa.

Na primeira pessoa, seria como se você estivesse narrando o que você diz, o que você pensa, o que você faz. Por exemplo, na interpretação
literaria e AAT:

(AAT)
- Ei, cara. Por que estamos tanto tempo aqui? Já estou com o saco cheio! * Dizia aquilo, enquanto olhava para os lados entediado, buscando algo de interessante para observar*

(Interpretação literaria)
- Ei, cara. Por que estamos tanto tempo aqui? Já estou com o saco cheio! - Dizia aquilo, enquanto olhava para os lados entediado, buscando algo de interessante para observar.

E como ficaria a mesma coisa na segunda pessoa? Sendo que, é como se você estivesse narrando o que aconteceu com aquela pessoa.

(AAT)
- Ei, cara. Por que estamos tanto tempo aqui? Já estou com o saco cheio! * Dizia ele, enquanto olhava para os lados entendiado, buscando algo de interessante para observar*

(Interpretação literaria)
- Ei, cara. Por que estamos tanto tempo aqui? Já estou com o saco cheio! - Dizia ele, enquanto olhava para os lados entediado, buscando algo de interessante para observar.

Viram a diferença? Só troquei a palavra ''aquele'' da primeira pessoa, para ''ele'' da segunda, e sem mesmo perceberem, trocou o tipo de pessoa da frase! É uma questão de preferência escolher em que tipo de pessoa interpretar, embora eu prefira a terceira.

Um fato interessante é que as falas nunca devem ter palavras trocadas caso vá passar uma frase de primeira para terceira.

Bom, finalmente acabamos. MUITA COISA, yeah, mas vai são dicas para te ajudar caso necessario e interpretar melhor! Boa sorte á todos!
avatar
Nick
Admin

Mensagens : 18
Experiência : 14218
Data de inscrição : 07/02/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum